Mourinho garante que foi a primeira e única escolha para selecionador

Vou dizer algo que, provavelmente, não vos vai interessar, mas aproveito para agradecer ao presidente da Federação Portuguesa de Futebol, porque o que ele me disse deixa-me orgulhoso. O facto de ter dito que eu não era a sua primeira escolha, mas sim a única escolha. Isso deixa-me orgulhoso, mas decidi não ir. Recusei, porque estou bem aqui”, revelou José Mourinho, após o triunfo da Roma (1-0), diante do Génova, rumo aos quartos de final da Taça de Itália.

As declarações do técnico luso acabam por não corresponder ao que disse o presidente da FPF, Fernando Gomes, quando apresentou o espanhol Roberto Martínez, na Cidade do Futebol, em Oeiras.

Depois de definido o perfil, falámos com muita gente, mas posso dizer que a única proposta concreta que fizemos para ser treinador foi ao Roberto Martínez”, disse, então, Fernando Gomes, em conferência de imprensa, na segunda-feira.

O treinador espanhol foi oficializado como novo selecionador nacional de futebol, sucedendo a Fernando Santos, tendo assinado um contrato válido até 2026.

Compartilhe nas redes sociais

Benvindo(a) à Radio Manchete. 📻

Ouvir 📻
X