Miséria à vista. Irmã mais velha de Georgina Rodríguez abre as portas de casa e mostra a decadência da habitação – Mundo

Depois dos vários apelos desesperados que fez na televisão, a irmã mais velha de Georgina Rodríguez, Patricia, abriu as portas de casa para revelar pormenores das condições em que vive. 

Nas imagens, gravadas pelo programa espanhol ‘Espejo Público’, da Antena 3, é possível ver as infiltrações na casa, o teto a cair, as condições de higiene e o risco a que Patricia se submete com os três filhos e companheiro. 

“Estou mal. Continuo a lutar”, disse a mulher na entrevista àquele programa. “Não gosto de viver nas condições que estou a viver”. 

A viver na província de Castellón, localizada na comunidade valenciana, no nordeste de Espanha, Patricia revela em lágrimas como a casa está sem condições. A sua cozinha serve de quarto, onde ela coloca dois colchões no chão na hora de dormir. Para cozinhar, a irmã de Gio pede ajuda a uma vizinha ou à sogra. 

Nas imagens é possível ver também o acúmulo de lixo e loiças sujas na habitação, ao que Patricia justifica que “não tem nem para lavar a loiça”. “É uma pena, mas não posso esconder”, disse em outro momento da entrevista. 

Em novembro, Patricia revelou primeira vez que estava numa situação de miséria, no programa ‘Socialité’, da Telecinco. Na altura, a mulher não tinha emprego e estaria a passar por dificuldades para comer. Após o apelo, a cunhada de Ronaldo encontrou emprego, mas os rendimentos ainda não serão suficientes. 

“Apenas tem para os gastos mais básicos, a luz, a água, o gás”, descreveu o jornalista quando Patricia já não conseguia falar, emocionada. “E a reforma, que também estou com obras em casa”, completou Patricia.

Pode ver a entrevista aqui.

Saber mais sobre




Vai gostar de





Compartilhe nas redes sociais

Benvindo(a) à Radio Manchete. 📻

Ouvir 📻
X