portugal-‘sambou’-ate-ao-apito-final.-depois-disso,-o-brasil-travou-nos

Portugal ‘sambou’ até ao apito final. Depois disso, o Brasil travou-nos

A seleção nacional empatou, esta quarta-feira, diante do Brasil, por 28-28, no início da segunda fase do Mundial de andebol, em Gotemburgo, mantendo intacta as aspirações lusas em chegar aos quartos de final da competição.

Um jogo que terminou de forma polémica, já que depois de soar o apito final, altura em que Portugal ganhava por 28-27, a última jogada do encontro foi revista e culminou num cartão vermelho para um jogador português e a equipa de arbitragem a assinalar um livre de 7 metros, revertendo a decisão de dar a partida por finalizada com vitória portuguesa.

No regresso do selecionador Paulo Pereira ao banco, após cumprir três jogos de suspensão na fase preliminar, Portugal, primeiro do Grupo D, reencontrou em Gotemburgo o Brasil, segundo do C, dez dias após a vitória por 31-28, no torneio norueguês Gjensidige Cup.

Portugal chegou ao intervalo do jogo desta quarta-feira a vencer por 12-11 e no decorrer da etapa complementar chegou a comandar com uma diferença de dois remates certeiros, porém num final turbulento a seleção nacional acabou por desperdiçar a vantagem e o triunfo escapou-nos entre os dedos,

A Suécia, seleção coanfitriã campeã europeia e vice-campeã mundial, é a última adversária de Portugal na main round, no próximo domingo. Já na sexta-feira, o conjunto das quinas irá defrontar Cabo Verde.

Leia Também: Selecionador Paulo Pereira diz que Brasil vai exigir cuidado máximo

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Compartilhe nas redes sociais

Benvindo(a) à Radio Manchete. 📻

Ouvir 📻
X